Obrigado 2019… Bem-vindo 2020!

2019

2019 foi o melhor ano da minha vida!

Ao longo deste ciclo de 365 dias tenho consciência que estive mais vezes em aceitação e gratidão do que nos anos anteriores. Senti-me muito melhor comigo mesma do que alguma vez me senti. Fiz as coisas com muito mais amor e apliquei a boa vontade como nunca antes.

Mas isto apenas aconteceu porque algures há 7 anos atrás eu decidi mudar. E desde essa decisão, tudo se passou a desenrolar de uma maneira diferente e os anos passaram a ser cada vez melhores.

Em vários momentos ao longo deste ano pude comprovar se de facto a vida que eu vivo realmente me satisfaz. E a resposta foi sempre: SIM!

Fui surpreendida em vários momentos pelas coisas que consegui fazer: pela minha segurança, pela minha criatividade e pela minha capacidade de valorizar os momentos.

Fui surpreendida pela maneira maravilhosa que a vida tem de me trazer aquilo que preciso no momento perfeito.

Fiquei maravilhada pelo universo de pessoas fantásticas que me rodeiam.

Fiquei encantada pelo poder que cada um de nós têm de criar um impacto no mundo, de deixar uma mensagem, de partilhar aquilo que nos faz únicos: a nossa experiência.

Muitas vezes o fim do ano era sinónimo de infelicidade, de promessas por cumprir que ficavam adiadas para o novo ano, mesmo sabendo que ao afirmar que era agora o momento, estava a enganar-me mais uma vez.

Este ano terminei com a sensação profunda de realização. Não fiz tudo aquilo que tinha planeado; fiz muito mais e melhor.

Começo 2020 com um sentimento de recomeço, que traz consigo toda a experiência adquirida dos anos anteriores.

Muitas vezes quis deixar o passado atrás das costas e começar tudo de novo.

Mas hoje sei que isso é uma grande ignorância. É graças a todos os momentos deste 1996 até hoje que eu posso estar a escrever este texto aqui, repleta de gratidão.

É graças a todo o meu trajeto que eu posso agora rir-me das minhas inseguranças e partilhá-lhas com quem quer ouvir a minha história.

É graças a todos os momentos vividos em ansiedade, à baixa-autoestima, ao medo, à resistência e todas essas coisas que eu quis esconder debaixo do tapete, que eu estou aqui hoje feliz.

Muitas vezes me lembro da minha versão pequenina, daquela Ângela que se imaginava em adulta e que tinha tantas expectativas. Ela nunca poderia imaginar que agora estaria a viver esta vida, mas tenho a certeza que ela estaria orgulhosa com aquilo que o futuro (e a vida lhe trouxe).

Obrigado 2019 ( e todos os anos anteriores) e bem-vindo 2020!

Ângela

P.S.: Para comemorar o final de 2019, fiz uma pequena visita ao Escaroupim, podendo apreciar os últimos momentos de sol deste ano. Filmei um pequeno vídeo com alguns momentos.

https://youtu.be/WxstJUlxUgo

 

 

Ângela Barnabé

Ângela Barnabé

A experienciar a viagem fantástica que é a vida!